Você sabia? – O empregador não pode realizar anotações que possam prejudicar o trabalhador na Carteira de Trabalho

 em Você sabia?

A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) é o documento do trabalhador e serve como meio de prova da relação de emprego, de seu tempo de duração, de cláusulas importantes do contrato de trabalho, da participação do empregado no PIS e de dados relevantes à Previdência Social.

Porém, é importante ter alguns cuidados e prestar atenção, pois existem anotações que não podem ser realizadas na Carteira de Trabalho, como, por exemplo: faltas, advertências ou suspensões, modalidade de dispensa (principalmente em eventual justa causa).

Não se pode anotar na CTPS qualquer informação que possa, eventualmente, prejudicar o trabalhador.
Devem ser anotados em carteira: início do contrato de trabalho, alterações de salários, mudanças provocadas pela data-base da categoria, gozo e pagamento de férias, mudanças de função, rescisão do contrato de trabalho (a conhecida “baixa”).

Fonte: http://genjuridico.com.br/2016/10/11/dica-012-o-que-nao-deve-ser-anotado-na-ctps/